Chapada Diamantina em 7 dias – BA

O Parque Nacional da Chapada Diamantina abrange uma área de 153 mil hectares, e engloba algumas cidades da região, como Lençóis – a “capital” da Chapada Diamantina e principal base para explorar os atrativos da reserva, além de Caeté-Açu, (86 km de Lençóis), Andaraí (100 km) e Mucugê (134 km). Cada uma guarda uma infinidade de surpresas, como cachoeiras, grutas, cânions, serras e platôs de tirar o fôlego.

Porém, para conhecer as principais cachoeiras da Chapada Diamantina é preciso caminhar. Não deixe de fora do seu roteiro de 7 dias na Chapada Diamantina os principais cartões-postais: a Cachoeira da Fumaça, a maior do país, com 380 metros de queda e o Morro do Pai Inácio, que descortina um lindo pôr-do-sol a mais de mil metros de altitude.

E tem mais: O Vale do Pati está localizado bem no coração do Parque Nacional da Chapada Diamantina e, por sua exuberante beleza, é um dos lugares mais visitados por aqueles que gostam de fazer caminhadas em ambientes naturais.

Poço Encantado - Chapada Diamantina

Poço Encantado – Chapada Diamantina

Roteiro de 7 dias na Chapada Diamantina

Com esse roteiro da Chapada Diamantina em 7 dias você vai descobrir um novo paraíso brasileiro com cânions, cachoeiras e trilhas incríveis. Aproveite!

1º Dia – Deslocamento do aeroporto até Pousada em Mucugê

2º Dia – Poço Azul e Poço Encantado

No primeiro dia, conheça o famoso Poço Encantado, que fica a 150 km de Lençóis e que encanta por sua beleza, principalmente durante os meses de abril a setembro, período em que entra um raio de sol que deixa o lugar ainda mais encantador. Depois prossiga para um incrível banho e flutuação no Poço Azul, com águas azuis e cristalinas dentro de uma gruta.

3º Dia – No dia seguinte, siga até a cidade de Ibicoara (ou durma por lá se preferir) e faça a caminhada de aproximadamente 3 km passando pelo Rio Espalhado e por muitas cachoeiras, como a das Orquídeas, e a do Recanto Verde com uma paisagem paradisíaca até chegar ao famoso Cânion do Buracão. Podendo atravessar o Cânion nadando ou caminhando pelas pedras do incrível paredão até chegar à Cachoeira do Buracão de 100 m de altura. Voltando do passeio vá para uma pousada em Lençóis e durma na cidade.

4º Dia – Cachoeira do Sossego

A Cachoeira do Sossego na Chapada Diamantina fica localizada a cerca de 7 km de Lençóis com duas horas e meia de caminhada com trilhas bastante variadas entre subidas e descidas, e nos últimos 40 minutos a caminhada é feita no leito do Rio (vá com tênis para proteger os pés). A cachoeira possui 60 metros de altura e é uma das mais bonitas da região (veja a lista completa aqui).

5º Dia – Roteiro das Grutas

Acorde cedo da sua pousada em Lençóis para ter um dia inteiro de passeios imperdíveis. O passeio inicia no Rio Mucugezinho por onde faz uma caminhada de 20 minutos até o Poço do Diabo para um refrescante banho. Depois é hora de relaxar na Cachoeira Poço do Diabo onde também há a possibilidade de praticar esportes radicais como Rapel e Tirolesa. Depois ainda é possível subir o Morro do Pai Inácio e ter uma das mais belas vistas da região. Em seguida, siga para a Gruta da Pratinha e Gruta Azul onde há um rio com grande concentração de minerais e águas cristalinas. E para fechar o dia com chave de ouro, vá conhecer a Gruta Lapa Doce com diversas formações calcárias.

6º Dia – Marimbus e Rio Roncador

Considerado o pantanal do sertão baiano, você irá conhecer a fauna e flora diversificadas da Chapada Diamantina, por um passeio de barco a remo ao longo do Rio Santo Antonio e Roncador.

7º Dia – Check-out e volta para o aeroporto

Cachoeira da Fumacinha - Chapada Diamantina

Cachoeira da Fumacinha – Chapada Diamantina

EXTRA

Saiba mais sobre a Chapada Diamantina, quando ir, onde ficar, onde comer, como chegar, além de mapas das trilhas, e uma linda galeria de fotos.

Reconhecido por especialistas, a Trilha do Vale do Pati está na lista das 10 trilhas mais bonitas do mundo! Se tiver tempo, não deixe de fazê-la, mas é preciso mais alguns dias pela Chapada Diamantina.

Não deixe de conhecer também a região do Vale do Capão.

Veja também dicas para um roteiro fotográfico de 8 dias na Chapada Diamantina.

3 comentários sobre “Chapada Diamantina em 7 dias – BA

    1. Clair, alem das boas operadoras existente na Chapada de Diamantina,uma outra boa opção é o turismo Overlande, ainda não muito convencional, ao menos no Brasil, o turismo fora-de-estrada com veículos 4×4 pode ser uma aventura divertida e permitir conhecimento que de outra forma não se conquistaria.

      A atividade pode ser feita por qualquer um. No banco do motorista ou do carona, o atrativo deste turismo é estar em paisagens incríveis, serpenteando rios, passando por vales, cruzando montanhas e conhecendo lugares onde a natureza reina. Desde já te desejo bons caminhos. Grato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *